terça-feira, 21 de julho de 2009

Com ou sem confiança!


Muitas são as diferentes opiniões, muitas especulações, muitas tentativas de estar certo, quando falamos de 'Confiança' (= confiar em alguém), tantas e tantas teorias nos surgem e nos levam a 'discutir' sobre isto durante horas, ou seja, uma conversa com 'pano para mangas'!!!

Como explicava a 'alguém' com quem debatia este tema, sou livre e posso dizer o que acho, de especular quando não sei e de falar do que sei (quando já vivemos experências assim.). Cada caso é um caso, mas no meu caso 'Confiança' sempre variou de relação para relação de pessoa para pessoa! (como tudo na vida)

Na minha opinião, nunca temos 100% confiança em ninguém, o ser humano não é perfeito, erra, desilude, mente...por mais confiança que tenhamos há sempre algo que nos faz ter um 'escudo de protecção'. Porém acredito que a confiança vai-se tornando mais sólida à medida que vamos conhecendo essa pessoa (falo tanto de relações amorosas como de amizades).

Primeiro observamos bem, damos espaço e oportunidade para que essa pessoa se mostre verdadeiramente, a segunda parte é um pouco da confirmação ou não da imagem que criámos no inicio, a terceira fase é a consolidação, é a fase em que já conhecemos, já sabemos com o que é que podemos contar e aí em principio já existe a confiança (ou em alguns casos não!), em alguns casos nunca houve, e então nunca haverá. Quando assim acontece o fim está próximo, como conseguimos manter qualquer relação com alguém que não confiamos???

Quem sabe que me diga, porque Eu não conseguia viver assim!

E será que a confiança se perde porque a nossa confiança (=auto estima) pura e simplesmente não existe e nunca existiu??? Quando não acreditamos em nós, será que temos capacidade para 'acreditar' nos outros??? Para confiarmos nos outros???

Aqui especulo, porque sinceramente não sei, acredito que uma confiança está relacionada com a outra, ou poderá estar, mas se em todos os casos é assim, isso não afirmo, apenas sugiro!

É verdade que quando não estamos bem connosco dificilmente estamos com os outros. Que por vezes desconfiamos do parceiro/a, porque nos sentimentos mais inseguros/as ou mais frágeis ou inferiores...SIM! Isso já me aconteceu. Mas para mim não faço regra, pois tenho confiança em mim, sei quem sou, gosto de mim...

E aqui já me aproximo, mais uma vez da temática ainda mais 'problemática', relações homem/mulher.

A mulher mais complexa que o homem porque este nos dá mais razões para o ser, porque nós mulheres conseguimos ser mais discretas, mas quando temos dúvidas perguntamos, o homem acha que estamos a 'dúvidar' ou desconfiar logo. O homem, por norma é mais reservado, quando tem 'problemas' não fala, guarda tudo...a mulher já não. Não conseguimos guardar para nós, temos que dizer tudo o que sentimos.

E por aí fora....


Moral desta pequena 'lição'....NÃO HÁ!!!!!!!!!

O que há são experiências que cada um de nós tem e que provavelmente cada um terá, como eu opinião!


Muito M'Eu'

1 comentário:

AC disse...

Oh minha querida...

"Quando achamos que temos todas as respostas... vem Deus e muda todas as perguntas"

.. é o que te digo..

Beijosssss
AC